[3. 23] MAIORES E MELHORES (2010).

31/08/2010.

COLOSSENSES. MAIORES E MELHORES.

 "E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como para o Senhor e não para homens".

(Cl 3. 23 -  KJA).

Ao longo de nossa História, as maiores e melhores coisas tem se preservado. No mundo, temos a Muralha da China, As Pirâmides do Egito, entre outras coisas mais. Protegemos a melhor literatura, as melhores partituras, os melhores quadros. Reverenciamos em todas as áreas, os melhores nomes e os mais virtuosos feitos. Mas, no mundo, quase tudo se conserva pelo princípio de grandeza. Esse princípio me alegro em dizer, jamais será importante aos olhos de Deus e de Seu filho Jesus Cristo (At 7. 48- 51).

            Por conta desse conhecimento, os Apóstolos nada quiseram saber, senão, no Cristo crucifixado e ressurreto. Nada gastaram na construção de prédios ou coisas semelhantes às pirâmides. Mas, entenderam bem o princípio do coração, isso é, das melhores coisas. A igreja se preservou e chegou até nós, por que alguns homens e mulheres, cheios de sabedoria, deram para Deus o seu melhor. Um dia, quem sabe, o Maracanã será reverenciado tal como é hoje as ruínas do Coliseu de Roma. Pela grandeza que é por si mesma, o próprio espetáculo. Mas, a igreja, em nenhum tempo, e sob nenhuma liderança, será lembrada pela grandeza de seus tijolos mofados.

            Paulo fazia coisas para durar para sempre. Tinha esse sentimento ao fazer tendas e ao abrir igrejas. Em muitas vezes, ensinou que para durar para sempre diante de Deus, tudo tem de ser feito de coração. Como para agradar o Senhor e não a homens. Minha salvação é eterna, não por que é uma grande salvação, mas, por que é de coração (E por ser de coração, é que se torna grande). Não feita para agradar outros, senão, ao Pai. E se é o coração que derruba a inimizade, Paulo dá o seu próprio, para renovar o relacionamento entre Filemon e Onésimo, seu ex-escravo (Fm 12).

            Não pelo ouro ou pela prata, e sim, pelo coração (At 3. 6). A igreja que me alcançou e que foi a mim confiada tem esse princípio (II Tm 2. 1, 2). Quando fazemos as coisas de coração, elevamos ao máximo o seu valor. Fazer de coração significa agir com valor e valorizando. Significa fazer para sempre; fazer para durar; fazer para suportar; fazer para ficar; fazer para o SENHOR!

"Então, afirmou-lhe Pedro: "Não possuo prata nem ouro, mas o que tenho, isso te dou: em o Nome de Jesus Cristo, o Nazareno, ergue-te e anda!" (At 3. 6 – KJA).

Ney Gomes.
"Se trabalhamos e lutamos é porque temos colocado a nossa esperança no Deus vivo." 1 Timóteo 4.10

 

 

Postagens mais visitadas