A OPÇÃO DE MOISÉS. Nossos votos para 2011.

A OPÇÃO DE MOISÉS.

"Pela fé Moisés, já adulto, recusou ser chamado filho da filha do faraó, preferindo ser maltratado com o povo de Deus a desfrutar os prazeres do pecado durante algum tempo". (Hb . 11. 24, 25 – NVI).

 

O escritor de Hebreus não deixa dúvidas sobre a opção de Moisés: Ele optou pelos seus irmãos (Ex 2. 11, 12). Optou pelo povo de Deus, e não, pela elite dominante que conhecia muito bem. Uma elite de aparências, regras e etiquetas. Comportamento sem vida, atitudes sem coração. Moisés é importante em toda a minha caminhada; e em minha ficha de membro que descansa nos arquivos do CEI de Barra está marcado meu versículo favorito: Hb 11. 27; há 14 anos.

            Elaine e eu desejamos que em 2011, você opte pelo povo de Deus e não só por sua elite, cheia de regras e políticas que nada edificam. Em visita recente a uma igreja nesses dias, pude ouvir o pastor dizer algo sobre isso: "O cara dá um presente de 200 reais para o pastor e compra um vestido para a mulher de 15 reais". Em casa ele não aceita um filho falar alto, mas, na igreja, o pastor pode roubar, e não visitar, e dar a mínima para os problemas da comunidade. No trabalho, ele detesta um serviço extra, mas, na igreja, ele trabalha até de madrugada, enquanto dorme o pastor para ter sonhos e visões de Deus. Deus amou Moisés, pois esse optou pelo povo, humilde e carente de direção

            Quando meu filho quase morreu pelas mãos de uma obstetra despreparada, foi pelas lembranças de Moisés que Deus me confortou. Quando eu disse em meio a muitas lágrimas que meu filho era bonito, Ele disse: "Ele será salvo pela beleza".

            Nesse novo ano, lembre da decisão de Moisés, veja se não é certa a sua escolha. É claro que isso te custará algo, mas, as melhores coisas sempre custam. Que 2011 te seja um ano de bênçãos e firmes decisões, e que a graça de Deus te acompanhe e que por ela, você também veja o invisível. Pois as Riquezas de Cristo, Sua Graça e Poder, dizem respeito ao Seu povo e àqueles que o amam (Sl 16. 3).

            Elaine e Ney.

Postagens mais visitadas