PEQUENA NOTA SOBRE SANSÃO.

            
MELADO, SANGUE, ÁGUA E SEGREDOS.

"Que mais direi? Não tenho tempo para falar de Gideão, Baraque, Sansão, Jefté, Davi, Samuel e os profetas"...
(Hebreus 11. 32 – NVI).

Por muitos dias e noites Sansão tentou sem êxito romper as cadeias de bronze que lhe prendiam os pulsos. Em meio às frustradas tentativas ele orava ao Senhor, mas, logo a dor do ferimento em seu rosto lhe interrompia os pensamentos fazendo-lhe lembrar todas as humilhações impostas, terrivelmente e sem piedade.
            As feridas de Sansão cicatrizaram no mesmo tempo em que um boato leva para se tornar verdade. Todos os filisteus se alegraram em saber que finalmente seu maior inimigo havia recebido o que merecia (15. 10b). À medida que chegavam a Gaza, às vezes em grandes caravanas, traziam alegria suficiente para fazer uma festa e como o desejo era comum a todos, foi o que fizeram (16. 23).
            Todos queriam zombar do homem que multiplicava seus mortos e devastava suas terras (15. 4). As crianças queriam lhe jogar pedras e as viúvas cuspir em seu rosto. O cárcere era pequeno para tantas solicitações e eles decidiram então levá-lo para um lugar aberto, o grande templo de Dagom. Onde eles desta vez o humilhariam em "rede nacional".
            Porém, antes desse grande evento Sansão tomou conhecimento de um fato novo. O moinho que lhe obrigaram a girar ficou leve demais e naquela noite no escuro de sua cela ele mais uma vez tentou romper as algemas e quase o fez. Porém, parou e decidiu guardar segredo; coisa que exigia dele extremo esforço. E assim, Sansão passou despercebido pelo interesse dos filisteus. Enquanto isso pensava no que de melhor poderia ser feito (16. 22).
            Você não ouve nada quando pode ver, mas, quando você não pode ver, você ouve quase tudo (II Cor 5. 7). Numa atitude inédita a sua natureza, Sansão pensou no bem estar de seu povo e no que aconteceria com eles após morrer sozinho naquele templo (seus problemas com os filisteus sempre foram pessoais). Para os padrões filisteus a vida de Sansão já estava com o prazo de validade vencido e há dos demais israelitas com os dias contados (a fama de Sansão impedia os filisteus de invadir as terras da tribo de ).
Decidiu então morrer a morte que inevitavelmente seu povo teria. Se conseguisse morrer ali, levando consigo os príncipes e poderosos da Filístia, seus irmãos israelitas teriam a chance de viver uma nova vida; uma vida sem medos e opressão. E isso, não lhe ocorreu casualmente.
            Acredito que Sansão teve uma visão espiritual em meio a sua dor e arrependimento, e isso, não só lhe inspirou como também lhe orientou sob o momento e a hora como deveria morrer (Lc 13. 33). Posso dizer uma coisa fundamental sobre os homens: Eles nunca fazem nada sem inspiração e sem crer que o que realizarão valerá a pena (que o diga o poeta Fernando Pessoa). Ele não podia ver os filisteus. Seus rostos, suas vestes festivas, sua satisfação (Lc 22. 63, 65). Mas, com seu coração quebrantado viu Àquele de quem sai a verdadeira doçura; o Leão da Tribo de Judá (Fides Christo larvam detrahit – Sibbes). O que morreu como um cabrito que se deixou rasgar (Ap 5. 5, 6). E então, fez dos filisteus um espetáculo público, triunfando sobre eles entre as colunas (Col 2. 15). Somente a coragem extraí da morte a doçura que alimenta e alegra a vida (Jo 12. 24/16. 22).
            Naquele dia em Gaza (uma das cinco fortalezas dos filisteus) houve mais mortos do que escombros. E seguindo o caminho das lamentações seus irmãos e familiares chegaram a Gaza. Sansão parecia ser mais um morto e de maneira nenhuma lembrava o homem que fez aquilo tudo (Jo 19. 5). Nunca houve tantas carpideiras em um só lugar, vestes rasgadas e poeira jogada no ar.
Com o corpo sob a carroça puxada por bois voltaram para as terras de Zorá. Na saída da cidade seu irmão mais velho olhou para trás e viu as ruínas de um orgulho nacional e sussurrou ao seu próprio íntimo: Da fraqueza tirou força e da força saiu doçura (Hb 11. 34).

            Ney Gomes † 09/02/09.



Receba GRÁTIS as mensagens do Messenger no seu celular quando você estiver offline. Conheça o MSN Mobile! Crie já o seu!

Postagens mais visitadas