(C12A) A PERFEITA INDÚSTRIA DA SALVAÇAO.




A PERFEITA INDÚSTRIA DA SALVAÇAO.

"Mas Paulo não achava prudente levá-lo, pois ele, abandonando-os na Panfília, não permanecera com eles no trabalho".  (Atos 15. 38 – NVI).

            Paulo e Barnabé fizeram uma sociedade perfeita. Paulo produzia e Barnabé dava o acabamento final. E dessa forma o Reino de Deus teve grande lucro. Mas, todos os homens que produzem e criam, sempre estão envolvidos em algum projeto pessoal de aperfeiçoamento. Barnabé tinha seus projetos pessoais; o prazeroso dever que ele levava para casa.
            Existia um trabalho que para Barnabé equivalia a se qualificar mais, se graduar. Ele era bom no que fazia, mas, o envolvimento total que tinha com o seu ministério, tornava-o num ministro sempre melhor. E essa é a razão que leva ele a se separar de Paulo. Naqueles dias Barnabé estava envolvido com o difícil discipulado de João Marcos, seu primo e projeto pessoal. Abrir mão de Marcos era como abrir mão de uma nova tecnologia. Era como perder o sentido conquistado por tudo aquilo que já havia sido superado. Abandonar Marcos era abandonar seus próprios esforços para melhor servir o Senhor.
            Transformar (discipular) Marcos era como transformar sua própria maneira de ensinar. Era crescer, se superar. Uma indústria sobrevive se aperfeiçoando e acompanhando as mudanças da sociedade. E Marcos era a oportunidade de Barnabé compreender e se adaptar a essas mudanças. Quando discutiram sobre Marcos, ambos já sabiam que trabalhavam com coisas que tinham um tempo diferenciado para dar resultados. Valia a pena lutar por Marcos e Barnabé via isso claramente na cara de poucos amigos que Paulo fazia para ele. Pois em tempos não tão distantes, o próprio Paulo foi um de seus projetos de busca por superação pessoal.
            Ninguém conseguia convencer Barnabé se ele já não estivesse convencido. E para ele, Marcos era um caso que tinha solução. Era só descobrir como desmontar e montar de novo. Marcos se tornou num obreiro muito útil para o Reino (Col 4. 10) e isso tudo graças a Jesus, o fundador da PERFEITA INDÚSTRIA DA SALVAÇÃO.

Nessa semana aceita-se currículos.

Ney Gomes – 21 de Abril de 2009.
"Dois erros não fazem um acerto!" (dito popular).





Quer deixar seu Messenger turbinado de emoticons? Clique aqui e baixe agora. É grátis!

Postagens mais visitadas