VERBOS ESPIRITUAIS.

OS VERBOS DE DEUS.

"Então Ananias foi"... (Atos 9. 17ª).

Verbos como andar, ir, comer e falar, acompanham os homens desde que eles aprenderam o valor que tem a comunicação. Esses verbos são simples e primitivos e possuem em todas as línguas certas semelhanças em escrita e fala. Mas, ao ler o ocorrido tão bem descrito por Lucas em Atos, somos informados de uma importância ainda desconhecida desses verbos.

No caso de Ananias, o verbo presente expressa sua rendição, sua entrega, sua derrota. Um dia, os dicionaristas irão definir "Cristandade" como um "grupo" de pessoas que tiveram suas vontades derrotadas por Cristo Jesus. O verbo que aqui define a ação de Ananias é preenchido por Deus de um significado que transforma a vida e o destino final dos homens (Jn 3. 1-3). Quando Atos diz que Ananias foi, não está apenas dizendo que ele abandonou seu lugar para estar em outro. Há aqui, uma profundidade que é inexplicável, que não se pode definir, somente tentar.

Se obedecermos a Deus, Seus planos e ordens, os verbos mais presentes no reger de nossas vidas, se enchem de coragem e ousadia. Se tornam capazes de expressar a verdadeira ação e propósitos de Deus (At 26. 19). Todo o significado da Vida está contido naquilo que fazemos de nossas atitudes, e isso é uma coisa que só descobrimos no Verbo Vivo de Deus.

É verdade que Ananias foi. Mas, Saulo é que decididamente iria chegar onde Deus queria.

Ney Gomes – 23/01/10.

No verbo descansar!






Faça compras on-line com mais segurança. Instale grátis o Internet Explorer 8.

Postagens mais visitadas